terça-feira, 23 de setembro de 2008

Macedonia n' Roses




Estava enganada! Na mesma noite voltei aquele lado da cidade, Txartxia, para me divertir com novos amigos num Festival da Cerveja. Assistimos a um concerto de uma velha banda rock, os Vlada Divljan( comparavel aos UHF ou Xutos). Conheci um tipo divertido do Partido Comunista. Disse-me que, apesar dos pais estar a ser governado pelo partido de direita, em Skopje (onde reside 40% da população) a maioria das pessoas são de Esquerda portanto os Comunistas não se sentem perseguidos. Combinamos ir juntos a uma festa do PC e pedi-lhe que me mostrasse também a festa de um partido de Direita. Disse-me que sim mas, cá entre nos, duvido que o faca!
Antes dos Festival da Cerveja tinha estado num bar de musica rock: 4Non Blondes Pink Floyd,The Cranberries e....Guns n' Roses. Definitivamente sinto-me quase em casa.
Uma das coisas que mais estou a apreciar e a inexistência de tensão sexual. Todos os dias se conhecem novas pessoas mas ninguém faz olhinhos a ninguém. E fantástico porque a comunicação flui mais livre.
No Sábado fomos caminhar pela montanha em frente a nossa casa. Confesso que foi duro. Para cima custou muito. Para baixo estávamos sempre a rebolar e a "dançar sevilhanas" mas do cimo da Montanha a vista era perfeita. Via-se toda a Área Metropolitana de Skopje e,mesmo em frente, a fronteira natural com o Kosovo. Depois desta aventura radical caminhei 40 minutos ate ao centro da cidade. Estava tão esfomeada e cansada que entrei na primeira pastelaria que encontrei. Pedi 1 pacote de leite com chocolate e um bolo semelhante as nossas Bolas de Berlim mas com chocolate por dentro e por fora. O bolo era tão grande que a empregada deu-me um garfo e uma faca. Pensei:" que mariquice, onde já se viu comer 1 bola de Berlim desta maneira?" e comecei a comer com as mãos. Só depois de ter terminado e ter chocolate do nariz ao queixo e em todos os dedos percebi que eles não põem guardanapos de papel nas mesas!
A parte algumas coisas menos positivas como a poluição e algumas preocupacoes sociais que tenho como a discrepância entre ordenados médios e preços de bens essências,gosto da maneira simpática dos macedónios. Todos eles, velhos e novos, sabem falar Inglês e estão sempre disponíveis para nos ajudar. Nunca me senti enganada com os trocos e nem senti que me cobram outros preços porque sou estrangeira. Acreditem, sinto-me tão ocupada que, desde que cheguei, nunca mais roí as unhas!
Vemo-nos no meu próximo passeio.

http://www.youtube.com/watch?v=CPxraOqthho (a banda que actuou no Festival de Cerveja)

http://www.youtube.com/watch?v=oobDQ0vdm8M (nunca e demais recordar)

2 comentários:

inês disse...

Estou deliciada a acompanhar o teu blogue! é tão difícil imaginar essa Europa, tão habituados que estamos a esta deste lado...
acima de tudo: estou muito feliz e descansada por te "ler" bem!
abraço,
inês r.

Anónimo disse...

estou deliciada a acompanhar o teu blogue!!!!!
e feliz e descansada por te "ler" e sentir bem!
é tão difícil e estranho imaginar essa Europa onde estás, tão habituados que estamos a este lado...
abraço grande (ç com cedilha iéeeee)
inês r.