quinta-feira, 8 de abril de 2010

VOLEM UN BARRI DIGNE



Nalguns bairros de Barcelona os habitantes põe nas varandas uma faixa de lona com a mensagem "Volem un barri digne" (queremos um bairro digno).

Instigada pela curiosidade perguntei a uma funcionária de um café qual era o objectivo da mensagem. Ela, simpática e cheia orgulho da explicação que se ia seguir, contou-me que a mensagem é um apelo desesperado dos moradores para que a "escumalha"seja expulsa do bairro(entenda-se por escumalha os vendedores ambulantes que deixam as ruas sujas de sacos de plástico e caixas de cartão inutilizadas). A simpática funcionária mencionou ainda- creio que não casualmente- que são maioritariamente imigrantes ilegais e ciganos.

Embora não ponha as mãos no fogo por ninguém parece-me uma injustiça e preconceito a forma como a situação está a ser gerida pela sociedade:
ponto 1. o imigrantes não vendem a si próprios logo a culpa não é deles mas tão somente nossa que lhes compramos e perpetuamos a sua presença ilegal nas ruas
ponto 2. Se roubam é porque roubam! Se trabalham é porque trabalham!irrraaaaa!!! Afinal que queremos nós? Fomentar a existência de parasitas sociais? Deixá-los a morrer de fome? Dar-lhes esmola aos Domingos para nos sentirmos bem com a nossa consciência? Recambiá-los para o país de origem porque vendem cópias do próximo cd do Paulo Gonzo, que ainda nem está no mercado mas que alguém, que não eles, roubou para comercializar no mercado negro?

E o mais irónico é que possivelmente algumas destas pessoas que reclamam um bairro digno são talvez daquelas que têm baratas em casa por falta de higiene ou que arrastam movéis às 2h da madrugada sem se preocuparem com o vizinho de baixo!!!

Ai, velha Europa das luzes e dos filósofos, que arrogante e mesquinha te tornaste!!

1 comentário:

António disse...

Mais nada!
Mas podiam ao menos deixar a rua limpa... não é pedir muito.